Barata Cichetto: Poeta, Escritor, Webdesigner, Editor
Todos os Textos Publicados Têm Direitos Autorais Registrados no E.D.A.
Reprodução Proibida!

terça-feira, abril 24, 2012

The Ladybirds: A Primeira Banda Feminina de Topless do Mundo


The Ladybirds: A Primeira Banda Feminina de Topless do Mundo
Luiz Carlos "Barata" Cichetto


Muito antes das cenas explicitas de sexo invadirem os palco com o pessoal do Fuck For Forest, muito antes de a baixista inglesa Amanda mostrar seu Rockbitch que incorpora cenas de atos sexuais e rituais pagãos e bem antes de Cynthia Witthoft ser presa por coprofagia e destilar sacanagem em discos de Metal, existiu uma banda feminina, ainda nos cândidos anos de 1967 chamada The Ladybirds. "As Joaninhas", em bom português, tinham características muito diferentes das outras bandas da época, pois suas integrantes tocavam de "topless", isso é sem a parte de cima das roupas, exibindo e balançando fartos e volumosos seios.


As informações sobre essa precursora  genuína do Rock em termos de "meter os peitos" literalmente, são muito vagas e desencontradas. Algumas informações dão conta de que são de Nova Jersey, outras que se trata de uma banda inglesa. Segundo Martin Hoyem no livro "American Ethnography", a banda foi formada em São Francisco por Davey Rosenberg, que mais tarde lançaria ainda outra banda, The Hummingbirds. Um dos poucos registros de uma apresentação das Joaninhas de Topless são no "The Granary", em Bristol, Reino Unido, em Março de 1973, e embora algumas referencias digam que essa banda seria sueca, é bem provável que se trate mesmo das nossas “amigas do peito”, as Joaninhas americanas, em turnê européia. Um cartaz do "Chez Paree", anuncia a apresentação das nossas “mulheres de peito” em 12 de Outubro de 1968, como "A Primeira Orquestra Feminina Topless do Mundo". 



Sobre essa apresentação das Ladybirds no The “The Granary”, um dos fatos com maiores detalhes da história das nossas heroínas. Em Março de 1973 The Ladybirds tinham fechado para tocar uma semana no Country Club Webbington, próximo a Bristol. Contataram o The Granary e perguntaram se poderiam fazer um show. E como eles queriam realizar uma seleção do material de um gênero mais Rock aceitaram. E assim as The Ladybirds entram no palco com suas roupas de costume, ou seja, apenas com a parte de baixo dos biquínis.  "Achamos que valeria a pena tentar (apenas para fins artísticos). Elas não eram musicalmente muito boas, mas ninguém parecia se importar com isso. As meninas foram muito bem recebidas. Um dos espectadores da primeira fila, que se contorcia o tempo todo, fugiu com o biquíni de uma das integrantes como troféu. Ela ficou chateada porque era parte da roupa que precisava para seu show no dia seguinte no Webbington. O jeito foi recorrer a jaqueta de couro branco e improvisar a parte faltante."


Aumentando mais ainda a confusão sobre "The Ladybirds", um grupo totalmente vestido com o mesmo nome abriu para os Rolling Stones em 1968.  Existem ainda referencias à elas, ou outra banda com mesmo nome, abrindo a apresentação para os Yardbirds (8 de Setembro de 1968 - Fjordvilla Clube Paramount, Roskilde, Dinamarca). Naquele mesmo ano, foi lançado o filme "The World, Wild Wild de Jayne Mansfield" que incluía um clipe da banda tocando no Clube Blue Bunny em Hollywood. O fato é que a banda se apresentou muito e fez grande sucesso nos cassinos de Lãs Vegas. 


Um nome tão pouco original sempre irá suscitar confusão e, existiu também outro grupo feminino britânico, estas totalmente vestidas, que apareceu em 60 episódios de "The Benny Hill Show", entre 1968 e 1991, formada por Maggie Stredder, Marian Davies e outras. Em 2007, em Indiana surgiu um outro grupo, também com as tetas cobertas, mas com o mesmo nome, formado por Jaxon Swain e Sarah Teeple, com uma proposta de "based retro garage band". O grupo gravou dois discos: Whiskey and Wine, 2007 e Shimmy Shimmy Dang, 2011.



Mas as nossas pioneiras dos peitos a mostra, ao que consta, gravaram apenas um único compacto, em 1967 com a musica "Yes I Know". Se é que o aúdio postado no You Tube, sobre uma foto delas é correto. Quando aos nomes das integrantes, nenhuma informação. As fotos e cartazes da época mostram dez peitos, ou seja, cinco integrantes (duas guitarristas, baixista, baterista e tecladista), embora algumas fotos mostrem apenas quatro pares de peitos. Claro que ao final, permanece uma questão: quem eram aquelas Joaninhas de peitos à mostra, que atualmente devem ter estar aí com cerca de 60 anos de idade ou mais? Seriam hoje doces vovós que escondem dos netinhos um passado em que foram "A Primeira Banda Feminina de Topless do Mundo"?



Principais Referências Bibliográficas
- http://www.thegranaryclub.co.uk/2009/07/06/851/
- http://transversealchemy-raw.blogspot.com.br/2011/10/introducing-ladybirds.html?zx=15e9b767bbf34873
- http://www.burlesquebabesshop.com/2009/06/ladybirds-band-worlds-1st-topless-all.html


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Respeite o Direito do Autor e Não Esqueça de Deixar um Comentário. É Importante o Retorno, o Sentimento do Leitor.