Barata Cichetto: Poeta, Escritor, Webdesigner, Editor
Todos os Textos Publicados Têm Direitos Autorais Registrados no E.D.A.
Reprodução Proibida!

sábado, março 02, 2013

Elegia Ao Vivo


Elegia Ao Vivo
Barata Cichetto

Quando aconteceu a minha primeira morte
Tinha flores roxas e lágrimas sobre o caixão.
Mas da segunda foi bem pior a minha sorte
Pois não tinha dores nem suspiros de paixão.

Morri tanto que da morte nem mais recordo
Pois que morro diariamente quando acordo
Tantas mortes eu morri durante a existência
Que de mim mesmo não sinto mais ausência.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Respeite o Direito do Autor e Não Esqueça de Deixar um Comentário. É Importante o Retorno, o Sentimento do Leitor.